Blog

Era uma vez

A maioria das histórias infantis coloca de forma bem clara o vilão e o mocinho. O mocinho em geral é bonito, cheio de qualidades e valores. O vilão é feio, todo errado e ninguém gosta dele. Crescemos assim, maniqueístas, aprendendo a separar o mundo entre o BEM e o MAL. Mas, à medida que o tempo passa, a vida ganha mais nuances, e é aí que a coisa complica….

Vamos conhecendo pessoas que tem bom coração mas às vezes agem contra o que acreditamos. Encontramos outras horrorosas a quem odiamos, mas se temos a oportunidade de nos aproximarmos, percebemos que não são tão erradas assim. E por vezes nos surpreendemos até com nós mesmos. Apesar de nossas boas intenções, magoamos, ferimos, somos arrogantes e causamos dor a quem amamos.

Hoje o mundo enfrenta o seu maior vilão dos últimos tempos, o COVID-19. E, infelizmente, este personagem não age sozinho. Tem como comparsas a ganância, o egoísmo e a ignorância. E aí começam as grandes batalhas. Nos contos de fada, não havia internet, não havia fake News, não existiam tantas teorias, números e indefinições. Em que(m) acreditar? Nos vemos divididos e afogados entre tanta informação, por todo lado recebemos conselhos para manter a sanidade, dicas de como higienizar as compras, melhor pedir on-line!, fotos de pratos maravilhosos com receitas suuuper fáceis, vídeo de exercícios físicos para manter a forma, como respirar, use máscara, máscara não protege, mantenha-se ativo, mas não se cobre,  tome sol,, ufa!

Creio que aqui vale a máxima – clichê, ok – de siga seu coração. Como dizia o querido Renato Russo, “o futuro não é mais como era antigamente”. Então, tente escolher o que acha melhor neste momento, para você e para os seus, e aja com coerência. Alguma lição virá, creio eu, mas cada um tem sua história, e sabe para onde quer ir. Reze para quem acredita, medite, chore, cante, caia e levante. E, se quiser se distrair, que tal assistir a filmes com final feliz para levantar o astral? Shrek, Meu Malvado Favorito e Megamente estão aí, para mostrar que em todo vilão também bate um coração! Todo meu amor para vocês, fiquem em casa!!!!

Este artigo tem 2 Comentários

  1. Eleonora Fernandes

    Adoro as crônicas da Inês Manes, o blog está muito bacana.
    Beijo

  2. Giselle Lehmkuhl Weber

    Sim, tb acredito nisso, bem e mal, tudo num mesmo ser. E tem também aquele filme da marmota, em que todos os dias sao iguais, Feitiço do Tempo. Vale como dica!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *