Blog

As redes sociais

Pensei em começar essa coluna criando uma proximidade e não há nada melhor para nos aproximarmos de alguém do que dividir nossas experiências.

Eu acho incrível como as redes sociais são importantes em nossas vidas, não é? Tanto as redes sociais virtuais quanto as reais – tão esquecidas e tão importantes.

Confesso que sou da época dos testemunhos recebidos e não aceitos no orkut, mantendo as mensagens com um ar secreto e íntimo, quase um diário. Depois disso vieram blogs, Facebook, Instagram, Whatsapp… a lista é imensa. Basta olharmos em nossos telefone quantos apps temos para nos comunicarmos e compartilharmos momentos.

Confesso que sempre olhei as redes sociais virtuais como uma extensão da vida ‘real’, onde as mesmas pessoas que vão à padaria também estão ali numa foto 3×4 sorridente em sua melhor pose e com uma frase de impacto. De tempos em tempos, mudamos a foto, a frase, retratando o quanto mudamos também na vida ‘real’.

Esse meu entusiasmo pelo ‘virtual’ me fez descobrir pessoas incríveis no ‘real’: um ex-namorado que durou por quase 7 anos, um grupo de amigas em que celebramos e compartilhamos momentos reais há 4 anos, até o marido eu conheci no mundo virtual.

E a Laís também: eu a conheci como mais uma seguidora da tão famosa rede social Instagram e, por ela, conheci a Ana, outra colunista daqui e minha amiga tanto na vida real quanto virtual. A Ana e eu nos aproximamos pelos directs, conversas e chegamos ao abraço tão real. A Laís também torço para que atravessemos a tela.

A conexão existe em todos os lugares, a energia que temos e depositamos nas relações é muito maior que a energia do cabo USB. Não tem wi-fi que consiga competir com conexões reais e, convenhamos, por trás de toda tela há pessoas reais. Quer algo mais real que isso? Só um abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *